sexta-feira, 30 de maio de 2008

O fundamentalismo ... agora em França


A Microsoft retirou o vinho dos produtos que vende no sítio MSN em França. Cito o artigo publicado na Meininger's wine business international da autoria de Sophie Kenavey


"In a unprecedented move Microsoft has said this week it will ban wine sales from its French MSN website, citing the current problematic legal situation in France with regard to the internet and alcohol publicity and sales. In an email sent to its clients Microsoft said it was revising its editorial rules with regard to alcohol sales and would deactivate related online sales announcements, and key words used for searches, as of the end of May. In effect [French] law underlines that the internet is not one of the approved mediums for alcohol publicity,” the message from Microsoft adCenter reads. "


Este é um dos maiores desafios do nosso sector na Europa para os próximos anos. É o puritanismo balofo dos nossos tempos. Na internet posso comprar uma arma e o mein kampf, posso comprar a pornografia mais ordinária mas não posso comprar uma simples garrafa de vinho. É para fazer leis destas que pagamos impostos para os Estados ?



Sem comentários: