quarta-feira, 18 de junho de 2008

Para onde vai o Rosé ?


Temos assistido a um aparecimento em catadupa de marcas de Vinho Verde Rosé. Primeiro foram os pequenos produtores, agora são as grandes marcas. Há um Muralhas Rosé, um Ponte da Barca Rosé e em breve teremos outras surpresa numa das marcas líder da região.

Na data em que escrevo este texto são exactamente 103 marcas de Vinho Verde Rosado. Nem mais !

E muitos destes são excelentes. Vinhos que eu compro e partilho com os amigos em petiscos de fim de tarde e refeições ligeiras. Vinhos que surpreendem sempre quem não conhece os rosés da nossa região.

A oferta cresce em qualidade e em quantidade.

Mas o que vale e como se está a comportar o mercado nacional dos rosados ?

Os dados AC Nielsen que nos são fornecidos pela ANDOVI indicam o seguinte no periodo até 31/12/2007:
  • os rosados representam 2,5% do mercado nacional, não tendo crescido em quota ao longo de 2007;
  • têm uma sazonalidade forte com quotas máximas de 3,4% no verão e mínima de 1,7 em Fevereiro.
Para se perceber o pouco que estes vinhos representam no mercado, lembro que a quota no mercado "Nacional" do Vinho Verde Tinto é de 2%. Quer dizer pois que todos os rosés do país juntos têm uma quota que não difere muito daquela que tem o Verde tinto ! Surpreendido ? continue a ler.

É justo dizer que as vendas de Vinho Verde Rosé se têm comportado muito bem:
  • em 2005, 472.905 litros
  • em 2006, 572.656 litros
  • em 2007, 922.284 litros.
Porém, este aumento nas vendas tem alimentado uma expectativa que leva os produtores a investir mais e mais. Aumenta a oferta mais do que a procura, aumentam os stocks:
  • em 2005, 1.193.915 litros
  • em 2006, 2.001.692 litros
  • em 2007, 1.878.841 litros
O rosé é pois um produto interessante, com uma procura que cresce e certamente com possibilidades na exportação. Pode ser uma excelente forma de rentabilizar alguma oferta em excesso de uva tinta. E é, claro, um complemento de gama. Mas há que ser prudente e aceitar que, mesmo que cresça, este mercado ainda representa quantidades muito limitadas.

Sem comentários: