quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Marketing

Entra agora no segundo ano a Pós Graduação em Marketing de Vinhos da escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viana do Castelo. É um curso muito interessante com uma sólida formação teórica mas combinada com uma vertente prática por recurso a mais de uma dezena de formadores que vêm directamente das empresas. É pois um investimento na formação, mas também no estabelecimento de uma boa rede de contactos.

As inscrições estão abertas até ao dia 12 de Outubro.

Saiba mais clicando aqui e aqui.

2 comentários:

Daniel Gonçalves Maia disse...

Ex.mo Sr.
Dr. Manuel Pinheiro,

Não é a primeira vez que comento um artigo seu, no entanto, é a primeira vez que o faço para comentar a ausência de um artigo seu... e, se o faço, é porque estranho o seu silêncio nesta matéria. Refiro-me à Lei n.º 59/2009, sobre o Estatuto do Profissional de Enologia, publicada no Diário da República a 5 de Agosto. Bem sei que iniciou as suas férias de Verão (ou, pelo menos, de blogue) nesta data mas, não me parece verosímil que este assunto lhe tenha passado ao lado. Compreendo, contudo, que não queira pronunciar-se sobre ele; se for esse o caso, não lhe levo a mal que recuse a publicação deste "comentário" e, da mesma forma, espero que não me leve a mal tê-lo feito.
Se Coisas temos em comum, aqui, na blogosfera, um post sobre o EPE não é, com certeza, uma delas; por isso, e porque considero que está em causa uma Classe Profissional, enjeito a confortável condição do anonimato e convido-o a ler a minha opinião sobre este assunto em http://danielgoncalvesmaia.blogspot.com/2009/08/um-mau-estatuto-e-ou-um-mau-estatuto.html e, se ficar mais confortável com isso, pode ser anónimo, pode...

Manuel Pinheiro disse...

Daniel, boa tarde e obrigado pelo seu comentário, ao qual respondo com gosto.

Curiosamente, nunca ninguém comentou que este blogue sobre vinhos fala sobre tudo menos... o próprio vinho !

De facto há vários assuntos sobre os quais não escrevo. Não porque não sejam importantes ou porque não cativem a minha atenção. Sim, por dois motivos:
- salvo casos especiais, como o do poema do Torga, os textos que faço requerem alguma pesquisa e ponderação. Sinceramente não consigo ter tempo para tratar com seriedade de mais assuntos;
- há blogs fantásticos sobre viticultura, enologia e outros assuntos específicos que não domino nem pretendo dominar.

Concentro-me pois daquela área em que julgo saber alguma coisa: certificação de Vinhos Verdes e a gestão da Denominação de de Origem.

Porém, a sua mensagem despertou-me o interesse e já reparei que o seu blogue tem um texto de fundo sobre o tema. Vou lê-lo com interesse pois.

E vou dar uma palavra ao A Cerdeira: porque não fazer na CVRVV um debate sobre este estatuto com a presença da imprensa especializada e dos deputados da agricultura ?