sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Retalho alimentar: a luz ao fim da crise ?


Os dados de Agosto do boletim Scantrends da Nielsen parecem finalmente consolidar boas notícias. Pelo terceiro período consecutivo, os bens de grande consumo crescem em facturação face ao período homólogo.

Crescem as marcas da distribuição e as marcas de primeiro preço ( 7,4% ) mas decrescem as marcas dos fabricantes ( - 1,8% ).

No caso das bebidas alcoólicas, as marcas da distribuição crescem de 10,8% para 11,4%. Neste segmento, as marcas da distribuição estão ainda longe da força que têm por exemplo nos congelados com 47,3%. Estão porém a crescer em todos os períodos. 2010 é nas bebidas, como em todos os produtos, o ano das marcas da distribuição e não o ano das marcas do produtor. Menos escolha pois para o cliente.

Sem comentários: