quinta-feira, 18 de julho de 2013

Stocks no fim do semestre


Sem surpresa fechamos o semestre com um stock baixo. Baixo no branco e baixo no mosto branco. Repito aqui, com a ajuda do quadro seguinte, uma explicação que deixei antes sobre o stock de branco. É que, alguns colegas, ao verem registados mais de 30 milhões de litros de branco perguntam como é que não se conseguem abastecer a preços competitivos no mercado de granel.

A explicação é simples em duas linhas:
  • porque a região é grande e 30M litros repartidos por 22.000 pessoas dá muito pouco;
  • porque uma boa parte do vinho já está colocado em colegas engarrafadores e não na produção.
 Veja o quadro seguinte.

Clique na imagem para aumentar

Temos pois que práticamente todo o vinho está já nas Adegas Cooperativas e nos Armazenistas Vinificadores. Ora estes, uns e outros, precisam dele para as suas marcas, pelo que não venderão tão facilmente. O único vinho que se encontra no mercado são 3,6M que estão nos produtores individuais. Mas tenha em conta que este vinho está repartido por milhares de produtores, sendo que as quantidades que é económicamente razoável ir levantar não são muitas.

Precisamos pois de uma boa vindima pois as vendas estão a dar bons sinais na exportação.

Sem comentários: