quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Vinho Verde: notas da vindima


Entregas acumuladas 2016/17 Clique na imagem para aumentar


Estamos em vindima há quase um mês. Hoje enviei ao Conselho Geral da CVRVV um apontamento, que aqui trago em formato mais extenso.

AS UVAS
É opinião geral que estamos perante uma produção de excelente qualidade. Bom estado sanitário e boas maturações: medida ao grau, a vindima ficará mais cara. Há dias no Conselho Geral alertava-se para que, apesar do tempo estar seco, ser realmente preciso vindimar, havendo até desvantagem em deixar atrasar a colheita.

O CALENDÁRIO
Na segunda semana de Agosto já se vindimava. Estamos, pelo menos, duas semanas adiantados, talvez um pouco mais. Durante esta semana já acabam os brancos nos extremos Norte e Sul da Região.

AS QUANTIDADES
A previsão era de 15% acima de 2016. Admito que vamos além disso. Pelos nossos cálculos, amanhã estaremos a chegar ao total de 2016, pelo que o que se vindimar em seguida é a acrescer a esse valor.

Temos tido longas filas de entrega nos centros de vinificação, como já não se via há anos. No sábado, muitos centros vinificaram sem parar até domingo de manhã e, mesmo assim, não fizeram tudo. A meio da madrugada havia longas filas em várias empresas e adegas.

O CONTROLO
Como nos anos anteriores, as nossas equipas foram reforçadas com colaboradores temporários, este ano num total de 15.

Novidade é o sistema informático que lançámos este ano. Cada equipa da CVRVV dispõe de um tablet no qual insere a listagem das entregas em cada centro de vinificação. Esta ferramenta, que está só a dar os primeiros passos, tem valências excelentes:
  • Enquanto sistema estatístico permite perceber, em tempo real, como estão as entregas; no futuro, o sistema estatístico exportará mapas para consulta pública que permitirão perceber muito claramente que quantidades está a Região a vinificar a cada dia;
  • Enquanto sistema de controlo, dado que se identificam em cada momento os produtores, as quantidades e origens, as viaturas, enfim, um manancial de informação que ajuda a valorizar o Vinho Verde, certificando cada vez melhor a sua origem;
  • Enquanto sistema de simplificação pois, uma vez feita a introdução da entregas nas empresas e adegas, facilmente o produtor encontrará a sua DCP pré-preenchida já com essas entregas.

A BOCA
Aborrecido por ter um fiscal da CVRVV permanentemente à sua porta, onde estava a entrar pouquíssima uva, diz-me um "produtor": "este ano é uma vindima esquisita". "Pois é,” retorqui, “é esquisita porque este ano há muita uva!".

Boa vindima!

Entregas diárias na região. O dia dia máximo foi sábado 16
Clique na imagem para aumentar



Sem comentários: